A sensibilidade da translucência nucal e do osso nasal na detecção da síndrome de Down é de cerca de 85%, quando associados à idade materna e avaliados entre 11 e 14 semanas gestacionais.